BRASIL PODE SOFRER COM DESABASTECIMENTO E AUMENTO NO VALOR DE DEFENSIVOS AGRÍCOLAS NA PRÓXIMA SAFRA

O setor produtivo está em alerta com o possível desabastecimento de defensivos agrícolas, causado por dificuldades logísticas.

A estimativa é de que no segundo semestre de 2021 e primeiro trimestre de 2022, haja o aumento dos custos de produção e redução na oferta de matérias-primas utilizadas para a produção das fórmulas usadas nas lavouras, causando o aumento dos preços para o produtor rural, assim como a possibilidade de falta de produto. 

De acordo com o presidente do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindiveg), Júlio Borges Garcia, os fornecedores da China não estão honrando as entregas e há a preocupação de que algumas empresas não consigam entregar os produtos aos distribuidores. 

A preocupação da indústria é representada com os números de importação de defensivos do Brasil, que recuaram em quase 3% entre janeiro e junho em comparação ao mesmo período do ano passado, mesmo com a valorização do dólar. 

Enquanto as compras de inseticidas caíram 2,7%, as importações de fungicidas também diminuíram cerca de 38,5%. 

Mesmo com as compras externas de herbicidas tendo crescido 36,6% no primeiro semestre do ano, as importações de glifosato, principal produto de combate a ervas daninhas do mundo, caíram 49% em volume, o que se explica pela redução da oferta do produto pela China, o que pode também diminuir a disponibilidade do produto para as próximas safras.

Ainda de acordo com o Sindiveg, os preços do glifosato triplicaram de preços nos últimos três anos, desde quando o governo chinês começou a apertar o cerco em torno das indústrias do país, exigindo maiores controles ambientais. Esta medida levou muitos fabricantes de defensivos da China a fecharem suas portas, reduzindo substancialmente a disponibilidade do principal produto usado no controle de pragas agrícolas do mundo.

O problema de abastecimento não afeta apenas a indústria de defensivos. 

Os produtores que adiaram a compra de fertilizantes, apostando em uma queda do preço, correm o risco de não receber o produto no momento certo e ainda ter que pagar caro.

Por isso, é necessário realizar o mais rápido possível as compras de defensivos e outros insumos agrícolas para as safras de verão, de forma a garantir tudo que precisam para obter melhores resultados.

logo-gmdagro-footer

Rua Jasmim, 54 – São Sebastião – 2 Seção
Contagem-MG – 
CEP 32150-005
0800 024 2699 | 31 3394.1348 – 3394.1628

Cadastre-se

Fique informado das promoções e novidades da GMD Agro:

GMD Agro © 2020. Todos os Direitos Reservados